Avaliação Neuropsicologógica

AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA

A avaliação neuropsicológica consiste em uma investigação minuciosa das funções cognitivas, sensoriais, motoras e emocionais, com o objetivo de identificar algum comprometimento funcional bem como o grau de integridade das funções avaliadas. Sua duração varia de quatro a seis encontros com duração de de uma hora.

FUNÇÕES AVALIADAS:

Memória & Atenção

Linguagem 

Raciocínio

Percepção Visual

Visuoconstrução

Orientação

Funções Executivas

Conceituação

Como é realizada a avaliação neuropsicológica?

Primeiramente, é realizada uma entrevista de triagem, para obter informações sobre a saúde global do paciente, incluindo queixas emocionais, cognitivas e comportamentais. A partir dessa triagem é selecionada a bateria de testes neuropsicológicos mais adequada para o paciente e é iniciada a sua aplicação. Os resultados qualitativos e quantitativos da testagem indicarão as funções cognitivas preservadas e as funções que apresentam deficiência. Finalmente, é elaborado um relatório ou laudo neuropsicológico, onde são relatados os principais resultados da avaliação.

O que oferece a avaliação neuropsicológica?

  • Auxílio no diagnóstico diferencial de doenças neurológicas e psiquiátricas;

  • Identifica os prejuízos bem como as habilidades cognitivas; 

  • Elaboração de um programa de reabilitação cognitiva (quando indicado);

  • Elabora de laudos para fins legais, sendo este o exame complementar que apresenta maior poder de discriminação numa avaliação médica pericial;

Quando é recomendada a avaliação neuropsicológica?

A avaliação neuropsicológica é recomendada em qualquer caso onde exista suspeita de uma dificuldade cognitiva de origem neurológica ou comportamental.​As principais indicações são:

Suspeita de doenças neurodegenerativas, como Alzheimer e esclerose múltipla;

Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade;

Dificuldades escolares;

Lesões cerebrais decorrentes de (AVC) e/ou traumatismos

Epilepsias;

Distúrbios psiquiátricos ou neuropsiquiátricos;

Déficits causados por uso e abuso de drogas e álcool

NEUROFEEDBACK

A avaliação neuropsicológica consiste em uma investigação minuciosa das funções cognitivas, sensoriais, motoras e emocionais, com o objetivo de identificar algum comprometimento funcional bem como o grau de integridade das funções avaliadas. Sua duração varia de quatro a seis encontros com duração de de uma hora.

FUNÇÕES AVALIADAS:

Déficit de atenção e hiperatividade

Depressão e outras perturbações do humor

Dores crônicas (fibromialgia, enxaqueca)

Ansiedade e síndrome do Pânico 

Dificuldade de aprendizagem

Otimização da performance profissional

Perturbações do sono e fobias

Fadiga crônica, TOC e estresse

REABILITAÇÃO COGNITIVA

A Reabilitação Cognitiva é um processo focado no indivíduo e sua lesão, com intervenções específicas e direcionadas, conforme as necessidades do paciente, envolvendo suas dificuldades cognitivas diária, abrangendo a memória, atenção, linguagem, habilidades, melhorar os sintomas associados à depressão e à ansiedade, entre outras alterações comportamentais.

Quem pode se beneficiar da Reabilitação Cognitiva?

Pacientes com déficits neurológicos como: 

  • Traumatismo Cranioencefálico (TCE);

  • Acidente Vascular Cerebral (AVC);

  • Doença de Alzheimer (DA);

  • Pós-operatório de lesões expansivas,

  • Perda de memória associada a Doença de Parkinson e Esclerose Múltipla;

  • Comprometimento Cognitivo Leve (MCI) ou Transtorno Cognitivo Leve;

  • Demência;

  • Encefalite;

  • Tumores;

  • Déficit de Atenção (TDAH), entre outros, para que o paciente consiga alcançar sua autonomia e independência funcional, no maior nível possível.

PSCOTERAPIA

A psicoterapia é um procedimento exclusivamente do profissional de psicologia, mediando pessoas que estão em processo de sofrimento, autoconhecimento, que necessitam tornarem-se mais saudáveis, mais felizes e produtivas.
 

Existem diferentes abordagens teóricas, mas o objetivo é o mesmo, proporcionar um processo colaborativo, em que o paciente e o psicólogo trabalham juntos as questões necessárias; Essa relação paciente e psicólogo é muito importante, em um ambiente acolhedor, sem julgamentos, sigiloso, ético e postura objetiva do profissional.
 

Na psicoterapia com a mediação do psicólogo existe a possibilidade de identificar origens e padrões comportamentais que podem estarem impedindo de a pessoa ter uma vida saudável, tornando mais claras as atitudes que estão disfuncionais e necessitam de cuidado, o que possibilita a pessoa ajustar-se e alcançar um dia-dia mais funcional.

Quem pode fazer Psicoterapia?

Todos têm o direito de fazerem psicoterapia, não é indicado somente para quem tem um diagnostico específico e também não tem restrição de idade.


É indicada para crianças, adolescentes, adultos e idosos e para todos que buscam o autoconhecimento, para melhorar as relações pessoais, familiares, profissionais, desenvolvendo autoestima e qualidade de vida.  


Aqui no Instituto Habilittare contamos com profissionais que atendem todas as idades especialmente para cuidar de VOCÊ!

Av. Presidente Getulio Vargas, 2932 – 1° andar cj 103 - Água Verde - Curitiba, PR - Cep: 80.240-040

Telefone: (41) 3029 - 9540 | 99803 4664
E-mail: 
 secretaria@habilittare.com

Horário de atendimento: De segunda a sexta-feira das 08h às 17h

Direitos Autorais © 2015 Instituto Habilittare - Todos os Direitos são Reservados.